Portal do Governo Brasileiro
Logotipo Incra


4ª Feira Estadual da Reforma Agrária comercializa produtos de assentamentos na Bahia


Publicado dia 15/06/2018
 
Os produtos típicos para festas juninas, além de verduras, legumes e hortaliças, são os destaques da 4ª Feira Estadual da Reforma Agrária, que acontece na Praça da Piedade - um das mais populares de Salvador (BA).
 
Os trabalhadores rurais e suas 150 barraquinhas, oriundas de assentamentos criados pelo Incra em 10 regiões da Bahia, começaram a comercializar seus produtos na quinta-feira (14) e vão até o sábado (16), às 15h.
 
De acordo com a organização do evento, a expectativa é comercializar 140 toneladas de alimentos, dos 108 itens levados à feira de áreas de reforma agrária baianas.
 
Os produtos de maior quantidade, na manhã da sexta-feira (15), foram amendoim, milho, feijão, aipim/mandioca, abóbora, mamão, pimenta, manga, tangerina, lima, maracujá, banana, além de hortaliças como alface, coentro, salsinha, rúcula e couve. Há ainda barracas com artesanato de palha, típico do interior da Bahia. 
 
Produtos
 
O agricultor assentado, Flávio José de Souza, afirma que o produto que mais tem comercializado é o amendoim, iguaria típica junina, vendida por R$ 2,50 o litro. Ele também levou à feira, maracujina, pimentão, banana e batata doce. Souza é assentado da área Bela Flor, situada no município de Lençóis, na região da Chapada Diamantina.
 
Já a assentada Filomena Josefa da Silva espera que o movimento aumente até sábado. “O andu já acabou, mas quero vender todos os produtos”, garante Filomena que vive na área 19 de Março, que fica no município Tapiramutá. Na barraquinha dela é possível encontrar tapioca, mandioca, feijão, maracujá e pimenta. A tapioca, por exemplo, está sendo vendida a R$ 5 o quilo.
 
Importância
 
Uma das coordenadoras da feira, Lucineia Durães, frisa que o evento tem como objetivo mostrar para a sociedade a importância da reforma agrária para a produção de alimentos no país. “A reforma agrária garante trabalho e renda”, enfatiza. Segundo Lucineia, nessa edição da feira, os consumidores se assustam de forma positiva com os preços baixos e qualidade dos produtos oferecidos na feira.
 
Essa é também a opinião da moradora da região, onde acontece o evento, Sandra Oliveira. “Os produtos estão baratos. Esse é o segundo ano em que venho comprar as iguarias para meu São João. Já estou levando amendoim, milho e aipim para garantir o bolo e a canjica”, afirma Sandra.
 
Essa é a quarta edição da Feira Estadual da Reforma Agrária, que é organizada pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).
 
Assessoria de Comunicação Social do Incra/BA
(71) 3505-5308
imprensa@sdr.incra.gov.br
www.facebook.com/incra.ba
Twitter: @IncraBahia
www.incra.gov.br/ba

Ir para o Topo