Portal do Governo Brasileiro
Logotipo Incra


Estudantes de Arte no Campo são diplomados e lançam livro em Santa Catarina


Publicado dia 03/07/2017
Crédito: Ascom Incra/SC

 

Estudantes do curso de Arte no Campo, especialização realizada em parceria com o Incra, receberam diplomas e lançaram livro durante a II Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária, realizada no último dia 23 de junho, em Florianópolis (SC). O evento foi promovido pelo Centro de Artes (Ceart) da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc).

A pós-graduação em Arte no Campo foi realizada pela Udesc em parceria com o Incra, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). Quarenta e três pessoas, entre educadores, artistas e profissionais que atuam nos assentamentos da reforma agrária de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul, foram titulados especialistas, resultado de uma integração que, além de gerar conhecimento, rendeu frutos aos participantes e a todas as instituições envolvidas.

“Aproveitamos esse curso para fazer algo muito especial, que tem contribuído para a universidade. Vejo alunos de graduação fazendo TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) sobre isso e gerou esse filho que é o Residência Jovem”, revelou a coordenadora do curso, Márcia Pompeo, destacando a Formação de Agentes Culturais no Campo, projeto da chamada pública MCTI/MDA-Incra/CNPq nº 19/2014.

Para Avito Correa, um dos especialistas formados, a experiência do curso foi inesquecível. “Começamos como uma turma que não se conhecia, vinda de realidades diferentes, que estava no campo ou não, mas no fim estávamos em uníssono, lutando por educação e arte no campo, popular e democrática”, declarou.

Experiências publicadas
A produção acadêmica gerada pela especialização ficou registrada nas monografias de conclusão de curso e também no livro “Arte no Campo: Perspectivas Políticas e Desafios”, lançado durante o evento. Nas palavras de Tereza Franzoni, uma das organizadoras do material, “o livro é algo de concreto que fica do curso, mas tem o outro lado: incontável”.

A publicação foi editada em 2016 pela editora Outras Expressões e traz vinte e três artigos escritos por alunos do curso Arte no Campo, docentes da Udesc e de outras instituições e ativistas sociais. É dedicada a José Luiz Kinceler, professor falecido durante a realização da especialização.

Produtos da reforma agrária
A jornada trouxe ainda a possibilidade do público universitário conhecer os produtos da reforma agrária, com a comercialização de itens artesanais e orgânicos provenientes dos assentamentos 1º de maio, Índio Galdino e Herdeiros do Contestado, do município de Curitibanos (SC). Fabíola Girotto e Gustavo Paniz representaram as famílias assentadas no evento. “Hoje temos uma variedade em torno de 50 produtos. A gente só não trouxe as hortaliças por uma questão de transporte e algumas coisas até já acabaram”, conta Fabíola, comemorando a boa receptividade do público.

Alguns produtores dos assentamentos já têm o selo de certificação orgânica participativa e outros estão em processo para recebê-lo. Semanalmente, as famílias participam de feira que acontece na cidade de Curitibanos. Entre os itens trazidos para o evento, estavam sprays de própolis, sabões artesanais, feijões, molhos de pimenta, cachaças e licores e artesanatos produzidos pelas mulheres assentadas.

 

 

Assessoria de Comunicação Social do Incra/SC
(48) 3733-3560
comunica.sc@fns.incra.gov.br
twitter.com/incrasc
facebook.com/incrasc
www.incra.gov.br/sc

Ir para o Topo