Portal do Governo Brasileiro
Logotipo Incra


Incra e Fetag (PI) realizam capacitação sobre Sala da Cidadania Digital


Publicado dia 11/09/2017

 

A Superintentedência Regional do Incra no Piauí realizou, na tarde desta segunda-feira (11), capacitação sobre o uso do portal Sala da Cidadania, em parceira com a Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Piauí (Fetag-PI), para mais de 50 representantes de sindicatos de trabalhadores rurais do estado.

Segundo o chefe da Divisão de Desenvolvimento do Incra piauiense, Damásio Ibiapina Tapety, essa parceria com a Federação ocorre há algum tempo. “Essa é uma reivindicação que a Fetag sempre faz. De três em três meses, há reuniões entre a entidade e o instituto para saber como está a execução das ações, principalmente com relação à titulação e ao desbloqueio das famílias devido ao Acórdão 775/2016 do Tribunal de Contas da União.”

Sobre a oficina, Tapety esclareceu que a autarquia quer ampliar o atendimento de demandas e estar mais próxima do assentado. “O Incra está levando parte de seus serviços aos sindicatos nos municípios para evitar o deslocamento do assentado até a capital. É um processo lento, mas que, agora, está chegando ao seu final. A Sala da Cidadania Digital vai facilitar bastante o trabalho de acesso às políticas públicas do Incra via internet.”

O secretário de Política Agrária da Fetag-PI, Devaldo Nunes, concorda que a Sala da Cidadania simplifica a vida do assentado. “Primeiro, tem facilidade deles puxarem as suas certidões, atualizarem seus cadastros junto ao Incra, porque muitos deles estão desatualizados, precisando confirmar endereços, telefones, e-mails e grau de estudo. Depois, tem a questão deles terem acesso a algumas políticas públicas por meio da Sala da Cidadania. Podem requerer a emissão de DAP [Declaração de Aptidão do Pronaf] também. Solicitar lá mesmo do sindicato uma DAP A, agora vai favorecer”.

O evento contou com a presença de representantes de mais de 20 sindicatos municipais, vindos dos pólos de Teresina, Campo Maior, Esperantina e Piripiri. “Vieram as lideranças dos sindicatos com mais assentamentos, onde tem muita demanda e eles vão ser capacitados para poderem tirar as pendências. Vamos trabalhar para evitar que o beneficiário saia lá do assentamento para vir em Teresina. Agora ele pode tirar suas dúvidas ou requerer a sua documentação necessária para dar entrada no Incra para resolver a questão de bloqueio e desbloqueio no próprio sindicato de seu município”, lembrou o secretário da Fetag-PI.

Facilitação

A secretária Agrícola do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de José de Freitas e assentada do Assentamento São Francisco II, Maria do Livramento da Cunha Santos, falou o que espera da capacitação. “A nossa expectativa é facilitar a vida do assentado, com as informações e, também, agilizar mais os procedimentos que são realizados no Incra. A gente entende que vai faciltar o acesso. Em vez do assentado vir até o Incra, ele procura a entidade que o representa, o sindicato, e daí o sindicato pode intervir, junto ao Incra, para facilitar esse acesso junto ao trabalhador”.

Os serviços da Sala da Cidadania Digital estão disponíveis em http://saladacidadania.incra.gov.br/

Matéria atualizada em 11/09/2017, às 19h30.

Assessoria de Comunicação Social do Incra/PI
(86) 3222-1553/3223-5860/ Fax: 3222-1827
comunicacao.social@tsa.incra.gov.br 
Twitter: @incrapiaui
www.incra.gov.br

Ir para o Topo