Portal do Governo Brasileiro
Logotipo Incra


Incra no DF e Entorno vai distribuir 33 toneladas de sementes para assentados


Publicado dia 23/10/2019
 
O Incra no Distrito Federal e Entorno começa a distribuir, ainda na primeira quinzena de novembro, 33 toneladas de sementes de milho e feijão para agricultores familiares assentados em municípios da região. A distribuição das sementes é fruto de um acordo celebrado entre o Incra e a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) em maio deste ano. A compra e distribuição de sementes faz parte do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).
 
A Conab fez a entrega das sementes ao Incra no início do mês de outubro para armazenamento e posterior distribuição aos assentamentos. Ao todo, são 18 toneladas de sementes de milho e 15 toneladas de sementes de feijão divididas em três variedades: preto, vermelho e o branco. As sementes, conforme a Conab, cumprem as normas vigentes de qualidade, certificação e cadastro. 
 
Um dos critérios para que o assentado se candidate ao recebimento das sementes é ter a DAP - Declaração de Aptidão ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) ativa no sistema do Incra. A DAP é o instrumento que identifica os agricultores familiares e/ou agricultores familiares assentados aptos a realizarem operações de crédito rural junto ao Pronaf.
 
O Incra começou a enviar esta semana, por e-mail, um formulário de pedido para as associações de agricultores interessadas em se candidatar a receber as variedades. O formulário deve ser preenchido e devolvido à autarquia com as DAPs anexadas. 
 
O superintendente do Incra/DF e Entorno, Igor Soares Lélis, ressalta que, de posse dos formulários encaminhados ao Incra, será possível fazer a seleção e estabelecer a logística de distribuição aos assentamentos. Conforme o gestor, não haverá custo algum para os agricultores assentados. “Na distribuição, vamos priorizar os assentamentos mais carentes e com maior vulnerabilidade econômica e social, garantindo, assim, que os assentados assegurem, não só sua própria segurança alimentar, como incrementem sua renda”, destaca.
 
Sementes
 
O Nordeste e o Centro-Oeste receberão o maior investimento. Serão R$ 3 milhões aplicados na compra dos produtos para atender a dez planos de distribuição nas duas regiões do Brasil. De posse do produto, o assentado faz o cultivo e pode comercializar o excedente da produção nos mercados locais ou para o PAA. O agricultor pode também produzir as próprias sementes para novos plantios.
 
 
Assessoria de Comunicação Social do Incra
(61) 3411-7404
imprensa@incra.gov.br

Ir para o Topo