Portal do Governo Brasileiro
Logotipo Incra


Kits Feira e créditos fortalecem venda de produtos de assentados cearenses


Publicado dia 23/05/2018

 

As associações dos assentamentos Logradouro II e União, localizados nos municipios cearenses de Canindé e Horizonte, respectivamente, foram beneficiadas com kits feira, entregues pela delegacia estadual da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead), em solenidade na manhã desta terça-feira (22), no auditório do Incra. Durante o evento, o superintendente do Incra/CE, Marcos Cals, divulgou a meta da superintendência em investir este ano R$ 10 milhões na aplicação de créditos Fomento Mulher nos assentamentos cearenses.

Foram entregues 200 kits a 20 associações de agricultores de 19 municípios cearenses. Cada associação recebeu 10 kits, compostos por barracas de feira desmontáveis, dois bonés, dois aventais e quatro caixas plásticas. “Nós estávamos com muitas dificuldades para vender nossa produção, mas com os kits vamos poder participar de feiras no município”, comemorou Manual Rodrigues, presidente da Associação dos Produtores do Assentamento União (Aspraune), onde residem 20 famílias assentadas.

A distribuição de kits feira aliada à oferta de créditos para produção inicial e incremento da presença feminina na dinâmica econômica dos assentamentos foram ressaltados no evento como elementos importantes no fortalecimento da agricultura familiar e das áreas reformadas no estado. “Os kits e os créditos são políticas que ajudam agricultores e assentados a produzirem cada vez mais, além de contribuírem para a permanência das famílias no campo”, disse Cals, ressaltando recursos aplicados pelo Incra em 2017 nas áreas reformadas do estado. “Só no ano passado disponibilizamos R$ 8,6 milhões em créditos”.

Investimentos
Com previsão de investimentos na ordem de R$ 10 milhões em Fomento Mulher para este ano, o superintendente solicitou aos prefeitos e secretários municipais presentes ao evento que procurem a Regional para assinatura de Acordos de Cooperação Técnica (ACTs) com a autarquia. O documento permite a aplicação dos recursos, através de assistência técnica a ser disponibilizada pelas prefeituras para acompanhamento dos projetos.

“O objetivo é darmos oportunidades de crescimento econômico e social às famílias através de um projeto produtivo, no valor de R$ 3 mil por família”, disse, citando o caso do município de Canindé, que concentra 39 assentamentos, com 700 projetos entregues na Regional. “Digamos que pelo menos 500 desses sejam aprovados, serão R$1,5 milhão em recursos circulando no município, beneficiando a economia local”, ressaltou Marcos Cals.

Kits
Os kits foram entregues aos presidentes das associações beneficiadas, com a participação de prefeitos, secretários municipais e as presenças da deputada estadual Aderlania Noronha e do delegado federal do Desenvolvimento Agrário no Ceará, José Rosilanio Magalhães Araújo. “Os kits padronizam a comercialização da produção e acolhem os agricultores que precisavam de apoio para venda em feiras”, destacou Rosilânio. Já a deputada Aderlânia ressaltou a importância dos kits para facilitar a venda dos produtos. “Sabemos o quanto é difícil comercializar os produtos, mas os kits vão ajudar muito na venda, com melhores condições para organização e higienização dos produtos”, disse.

 

Veja a lista de associações beneficiadas por município : 

Acopiara:
Associação Municipal dos Pequenos Produtores do Sítio Calabouço e Cooperativa Agropecuária dos Pequenos Produtores de Acopiara.

Alto Santo:
Associação dos Produtores Rurais do Sítio Ingá.

Banabuiú:
Cooperativa dos Agricultores e Criadores de Banabuiú e Associação Comunitária dos Agricultores Produtores e Apicultores Rinaré II.

Boa Viagem:
Associação dos Moradores de Jatobá.

Canindé:
Associação dos Assentados do Imóvel Logradouro II.

Cedro:
Associação dos Criadores de Caprinos, Ovinos e Bovinos de Várzea da Conceição.

Crateús:
Associação do Desenvolvimento Comunitário de Lagoa das Pedras.

Horizonte:
Associação dos Produtores do Assentamento União.

Maranguape:
Cooperativa Agroecológica da Agricultura Familiar do Caminho de Assis.

Mombaça:
Associação Comunitária do Desenvolvimento do Sítio Cachoeirinha.

Pindoretama:
Associação dos Produtores de Leite e Agropecuarista de Pindoretama.

Quixeramobim:
Associação Comunitária de Mearim, Associação dos Feirantes da Agricultura Familiar de Quixeramobim e; Associação Comunitária Fazenda Jurupira Lages do Trapiá.

São Benedito:
Associação Comunitária do Sítio do Meio do Topé e Associação Comunitária Filhas de Santa Luzia

Tamboril:
Associação Comunitária dos Moradores de Curitis de Tamboril

Catarina:
Associação Comunitária de Açude Novo (Catarina).


Assessoria de Comunicação Social do Incra/CE
(85) 3299.1307
imprensa@fla.incra.gov.br
www.incra.gov.br/ce

 

Atualizada em 24/05, às 15h37


Ir para o Topo