Portal do Governo Brasileiro
Logotipo Incra


MS: assentados recebem títulos provisórios e querem incrementar produção de urucum


Publicado dia 21/05/2018
 
Uma equipe de servidores do Incra em Mato Grosso do Sul entregou, dia 19 de maio, 68 Contratos de Concessão de Uso (CCU) aos agricultores do assentamento São Sebastião, no município de Ivinhema, na região Sudoeste do estado, a 340 quilômetros de Campo Grande. No total, 120 famílias formam o assentamento que, aos poucos, vem substituindo o cultivo da mandioca pelo do urucum.
 
O superintendente do Incra no Mato Grosso do Sul, Humberto Maciel, destacou que o CCU facilita a obtenção de crédito para ampliar ou diversificar as lavouras nos assentamentos. “Essas e outras iniciativas estão provocando o crescimento socioeconômico de mais de 100 mil pessoas assentadas pelo Incra no estado”, afirmou.
 
O município de Ivinhema é o maior produtor de mandioca no estado. O presidente da Associação dos Produtores Rurais do Assentamento São Sebastião, Roberto Aparecido Rocha, considerou, no entanto, que os assentados têm diversificado a produção e buscado mais ganhos em outras culturas. “Uma de nossas iniciativas é substituir o cultivo da mandioca por lavouras de urucum (para produção de colorau) que é uma cultura mais apropriada ao pequeno produtor”, diz.
 
Para o presidente da Associação, os títulos provisórios chegam em um momento importante. “Somente o CCU não resolve todos os problemas, mas temos ainda mais ajuda para chegar do Incra e apoio de parcerias que estão sendo formadas”, declarou.
 
Transição para o urucum
 
Antônio Oliveira, morador no lote 35, declarou já ter 1,2 mil pés de urucum e quer deixar de plantar mandioca e ser produtor de leite de vaca. “Eu já vendi algumas bolsas de sementes na cidade e notei que, quanto mais a gente tiver produzindo, mais a gente vende. Pode produzir quanto quiser que vai vender, aqui mesmo em Ivinhema”, avalia. “Temos demonstrado que essa troca de mandioca por urucum está crescendo. Dos 120 lotes do assentamento, 50 estão produzindo ou já com o plantio feito”, complementa.
 
O prefeito de Ivinhema, Éder Wilson Francisco Lima, está incentivando os novos produtores de urucum, com correções de solo no assentamento. O trabalho compreende o combate às erosões, com curvas de nível e terraços, entre outras medidas. “Com as parcerias que o Incra vem fechando no Mato Grosso do Sul, é possível melhorar muito a vida dos assentados”, considera o prefeito.
 
 
Assessoria de Comunicação Social do Incra/MS
(67) 3320-3811

Ir para o Topo