Portal do Governo Brasileiro
Logotipo Incra


Ouvidoria discute conflitos agrários no Sul do Pará


Publicado dia 22/05/2017
Foto: Informativo Carajás
 
O Ouvidor Agrário Nacional do Incra, Jorge Tadeu Jatobá Correia, esteve em Marabá (PA), entre os dias 16 e 18 de maio, para tratar de conflitos agrários na região Sul e Sudeste do Pará.
 
A primeira atividade foi a participação na audiência pública promovida pelo Ministério Público do Estado, dia 16, denominada Escuta Social. A iniciativa reuniu representantes de órgãos públicos e movimentos sociais e sindicais do campo para identificar os principais conflitos agrários da região. O ato foi promovido em conjunto pelas Promotorias de Justiça Agrária de Marabá e Redenção com o objetivo de subsidiar o Ministério Público nas demandas cíveis e criminais decorrentes de conflitos pela posse da terra em áreas rurais.
 
Um dos encaminhamentos da Escuta Social foi a criação de Grupo de Trabalho exclusivo para questões agrárias e fundiárias. De acordo com Jorge Tadeu o grupo vai ajudar na interlocução com outros órgãos que tratam de questões agrárias, como o Instituto de Terras do Estado do Pará (Iterpa). “Este diálogo é fundamental para avançarmos e diminuirmos os conflitos na região.”
 
O ouvidor agrário reuniu-se também com representantes da Delegacia de Conflitos Agrários e com a Vara Agrária de Marabá, com os movimentos sociais do campo e com o Sindicato Rural de Marabá.
 
Na Superintendência Regional do Incra no Sul do Pará, Jorge Tadeu discutiu com gestores da autarquia plano de ação emergencial de obtenção de terras para a reforma agrária, com a aquisição de imóveis rurais nos municípios de Eldorado dos Carajás, Floresta do Araguaia, Jacundá, Marabá e Tucumã.
 
Assessoria de Comunicação Social do Incra/Sul do Pará
(94) 3324-1752/ 2713 – ramal 216
ascom@mba.incra.gov.br
www.incra.gov.br/maraba


Ir para o Topo