Portal do Governo Brasileiro
Logotipo Incra


SE: Famílias selecionadas em 2015 para área de reforma agrária terão lotes definidos


Publicado dia 29/09/2017

 

O Incra promove, dia 4 de outubro, o sorteio de 81 lotes delimitados no assentamento Vitória da Conquista, em Itaporanga D´Ajuda (distante cerca de 30 quilômetros de Aracaju), no interior sergipano. A ação é restrita apenas às famílias que foram selecionadas para o projeto de reforma agrária em 2015.

Os lotes, georreferenciados e parcelados pela autarquia, serão distribuídas em três agrovilas, implantadas em um perímetro de 1.315 hectares, antes pertencente à extinta fazenda Camaçari.

“O sorteio em uma área tão importante para a reforma agrária é mais uma demonstração do esforço do Incra para tornar o processo de assentamento de famílias o mais transparente possível. Um procedimento que torna ainda mais justa e democrática a distribuição dos lotes, que serão cruciais para o desenvolvimento dos agricultores”, explicou o superintendente regional do Incra em Sergipe, Gilson dos Anjos.

O sorteio deve ser replicado nas novas áreas de reforma agrária a serem criadas pela autarquia no estado. “É importante destacar que o sorteio não definirá as famílias que receberão os lotes. Essa seleção já foi feita e somente as famílias já homologadas em 2015 participarão do sorteio. E a nossa ideia é aplicar esse procedimento para a distribuição de lotes em todos os assentamentos futuros, tornando o processo muito mais claro e igualitário”, comentou a chefe da Divisão de Obtenção de Terras do Incra/SE, Kátia Muniz.

Área emblemática

Palco de conflitos agrários que se arrastaram por cinco anos, a Fazenda Camaçari tornou-se área emblemática na luta pela reforma agrária em Sergipe, tendo sido obtido pelo Incra em setembro de 2015.

Vistoriado em 2010 e classificado como improdutivo, o imóvel, que deu origem ao assentamento Vitória da Conquista, está localizado em uma área considerada estratégica por sua proximidade com o maior mercado consumidor do estado, a capital, Aracaju.

No local, estudos agronômicos apontaram a existência de condições favoráveis ao desenvolvimento da pecuária e de culturas como coco, milho e hortaliças.

Assessoria de Comunicação Social do Incra/SE
(79) 4009-1507
www.incra.gov.br/se

Ir para o Topo