Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser! Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Assentados dinamizam abastecimento no município gaúcho de Esmeralda
Início do conteúdo da página

Assentados dinamizam abastecimento no município gaúcho de Esmeralda

Publicado: Quinta, 06 Agosto 2020 19:52 | Última Atualização: Quinta, 06 Agosto 2020 19:53
A família Gasperim utilizou o crédito aplicado pelo Incra para erguer estufa – Foto: Incra/RS
A família Gasperim utilizou o crédito aplicado pelo Incra para erguer estufa – Foto: Incra/RS

Formado por 3 mil habitantes entre os estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, o município gaúcho de Esmeralda tem a reforma agrária como fonte de alimentos. No assentamento Dom Orlando Dotti, famílias diversificam a produção e aderem à tecnologia para aproximar-se dos consumidores.

A família da assentada Neuza Fátima da Luz Gasperim divide o lote de aproximadamente 15 hectares entre criações, lavouras, pomar e horta, além de trabalhar com produtos coloniais. O manejo não inclui agroquímicos. “A gente saiu de lavoura e veio para o assentamento para não usar veneno. O que a gente vende é o que meus filhos comem”, salienta a agricultora.

No início de 2020, o Incra liberou R$ 5,2 mil por família homologada do assentamento via Crédito Instalação. No lote dos Gasperim, parte do recurso serviu para erguer uma estufa dedicada a espécies folhosas como alface, couve, repolho e rúcula.

Logo após a obra ser concluída, a pandemia de covid-19 inviabilizou a participação na feira semanal na cidade vizinha de Vacaria. Junto com o marido e as três filhas de 15 a 25 anos – observados pelo caçula Kauã –, Neuza precisou adaptar a rotina.

Ela continua realizando vendas diretas no próprio lote, mas agora recebe encomendas tanto de pessoas físicas quanto de estabelecimentos comerciais. Os contatos são organizados pelas meninas e as entregas ocorrem uma vez por semana. “É nossa principal fonte de renda”, comenta a mãe.

Atentos à próxima estação, os Gasperim implantaram canteiros de morangos, cujos primeiros frutos são esperados para outubro. Mudas de parreiras tintas e de mesa também acabam de ganhar um terreno especialmente preparado para elas. A intenção é diversificar continuamente a oferta e conquistar cada vez mais clientes.

Atendimento personalizado

Em outra iniciativa produtiva do assentamento Dom Orlando Dotti, José Vandemir de Abreu empregou o crédito do Incra em adubo e calcário para plantações como feijão e milho. Mesmo assim, a área guarda espaço para gado bovino e horta. Nela, a família assentada – formada por pai, mãe e dois filhos – cultiva as hortaliças vendidas na cidade mediante encomenda e entrega em dias combinados com a freguesia.

Assessoria de Comunicação Social do Incra/RS
(51) 3284-3309 / (51) 3284-3311
imprensa@poa.incra.gov.br
incra.gov.br/rs
facebook.com/IncraRS

registrado em:
Fim do conteúdo da página